terça-feira, 2 de março de 2010

Bibliotecas entram na era do ebook


Para que serve uma biblioteca quando cada indivíduo caminha com mais de 1.000 livros dentro da sua mochila? É exatamente isso que a gerência da Biblioteca de Shaler North Hills, localizada em Pittsburgh, Pensilvânia, EUA, está tentando descobrir. Recentemente eles compraram nove Kindles e estão testando qual é a melhor forma de emprestar os e-readers para seus usuários. estão testando o produto.

No meio de abril o público geral poderá alugar Kindles, mas até lá, alguns usuários selecionadosBreidenbach, de 54 anos, é um deles. "É um instrumento legal, fácil de usar, mas eu ainda estou com medo de deixar ele cair e quebrar porque eu sou desastrado às vezes", disse após usar o aparelho por 2h30 no primeiro dia de aluguel.


A biblioteca lida com empréstimos em acervo digital desde 2005. O usuário leva seu computador, telefone ou MP3 e transfere um arquivo que vai durar um tempo determinado no computador de cada um. Uma forma barata e cômoda de pegar um livro emprestado sem ter que devolver nem respirar os ácaros da obra amarelada.


Com o serviço único que eles oferecem, algumas mudanças ocorreram. Desde 2005, acervo digital aumentou de 250 para 18.000. O número de usuários acompanhou o crescimento, e passaram de 82 para 4.500. Para manter o acervo são investidos US$ 50 mil por ano.

Via Pittsgurgh Tribune-Review

2 comentários:

Mariana Patrício Melo disse...

acho legal isso. e eu gostaria de ter um e-book, já que há muitos livros que gosto e que n tem no Brasil. Mas ainda amo e prefiro segurar o livro nas mãos :)

Flávia Denise de Magalhães disse...

O legal dessa ideia é que as pessoas podem fazer os dois. Alugar um ebook e livros sem precisar de comprar um ereader...

Podia ter bibliotecas assim aqui.