quarta-feira, 10 de março de 2010

Livros ganham de games na Appstore

Faltando pouco menos de um mês para o lançamento do iPad, a Apple divulga que livros lideram os aplicativos da Appstore, passando os games. Essa é a primeira vez que a indústria tem mais trabalho em divulgar e oferecer livros do que jogos e a notícia chama atenção de muitos especialistas da área de publicação.

De forma geral, os aplicativos de livros são grátis e lidam com obra cujo direito autoral não tem mais validade. Os games, por outro lado, são em sua maioria pagos e fabricados especialmente para o suporte. Veja no gráfico quais são os aplicativos.



Muitos editores acreditam que esse é o início de um movimento cultural similar ao que ocorreu quando o iPod foi lançado. Na época - e ainda hoje - o consumo de música paga aumentou devido ao gadget oferecido pela Apple. A música ganhou público. Acredita-se que os livros também o ganharão.

Todos os 27.000 aplicativos de livros podem ser baixados no iPhone, enquanto somente parte deles tem definição o suficiente para o iPad - mas mesmo assim eles podem ser baixados. O iPad será lançado no dia 3 de abril e os pré-pedidos já podem ser feitos na loja física da Apple.

Um comentário:

O quarto do escritor disse...

Interessante a diretriz do seu blog.

Há vida além dos mega sellers

Abraços